Sunday, October 04, 2015

#Bênçãos #Disfarçadas !!!

Perguntaram-me: 
Jacky, se Deus existe, por que então permite os Tsunamis que matou tantas vidas?
Respondi:
Bem, eu vou começar respondendo com algumas perguntas que eu ouvi um doutor fazer a alguém, que lhe fez o mesmo questionamento. 
"Existem dois tipos de atmosferas, uma física e outra psíquica, que se inter-ligam, se inter-penetram, atuando uma sobre a outra incessantemente."

Então vamos raciocinar:

“ Qual sera' a atmosfera psíquica de um planeta aonde são cometido por ano, mais de cem milhões de abortos?
Qual deve ser a atmosfera psíquica de um planeta onde dois dos principais comércios são os de armas e de drogas?
Qual deve ser a atmosfera psíquica, de um planeta que somente na ultima grande guerra ceifou 60 milhões de vidas, sem falar nos mutilados, na viuves e orfandade como resultado da mesma?
Qual a atmosfera de um planeta, aonde não ha' um dia em que a mídia informativa, não nos alimente de noticias de guerras, assassinatos, atrocidades incríveis e inimagináveis?
Qual a atmosfera psíquica, de um planeta aonde ha' uma organização como a ONU, que tem o seu conselho de segurança e paz constituído pelos Estados Unidos, Franca, Inglaterra, Russia e China, os cinco maiores produtores de armas do mundo? "

Agora eu concluo: Se o Planeta Terra e’ um organismo vivo, e cada país desempenha um função dentro desse organismo, podemos entender que o nosso Planeta se encontra, e a muito tempo, extremamente doente fisico-psiquicamente.

As grandes catástrofes 
naturais, ou Karmas coletivos como queira, e’ nada mais que a Lei de 'Causa e Efeito', 'Ação e Reação', em seu total vigor. O planeta tem que expurgar as células cancerígenas, através desses movimentos de limpeza e transformação. Se assim não for, estaremos caminhando para o seu total óbito.

Portanto, respondendo ao seu questionamento inicial. Deus certamente não e’ o criador da destruição em massa. Deus e’ o criador de vidas, do belo, da harmonica perfeição da natureza. O homem foi constituído por ele do livre arbítrio, mas de suas escolhas sempre haverá uma consequência. Não se trata de punição, mas sim o cumprimento de uma lei universal.

Ha' no entanto, males que vem para um bem maior, ja diz o ditado popular. Pois o que chamamos de catástrofes, torna-se diante dessa realidade em que vivemos, uma benção disfarçada de dor. Morre-se o homem velho, e nasce-se o homem novo. 


Tudo esta sempre num processo de renovação. Somente entao e' que Deus volta a vigir como bençãos de Luz, colocando o caos causado pelo homem em equilíbrio com o todo.
Afinal a morte não existe…na vida tudo se transforma…

Jacky Sewell