Sunday, June 14, 2015

#Medo são #armadilhas #mentais



Os seres humanos tendem a projetar sobre os outros, os seus próprios medos de perda, a sua falta de fé e de discernimento. 

Todos os medos são apenas criações mentais, das percepções adquiridas a partir de nossas experiências passadas e como pensamos que as coisas podem tornar-se no futuro. Na maioria das vezes, eles não têm nada a ver com a realidade dos outros ou do seu tempo presente.

A nossa forma de enxergar e reagir ao mundo e as situações de nossas vidas, são reflexos de nossa capacidade mental para se concentrar nas bênçãos que os reveses da vida traz.

Seja grato por todas as oportunidades de auto-crescimento que as dificuldades em seu caminho pode apresentar. Elas sempre serão nossos mais desvalorizados grandes mestres, os principais contribuintes para o fortalecimento da nossa alma.

No entanto, esteja vigilante `a sua incompreendida criança interior, porque ela pode estar sabotando seus ideais com a auto-piedade e sob o falso pretexto de proteger-se de uma suposta dor do passado. 

Consequentemente, atraindo e influenciando os eventos infelizes de sua vida, mesmo as ações e reações das pessoas ao seu redor. Assim, cegando-o a ser capaz de ver sob um ponto de vista mais positivo.

Deus, o Universo, a Fonte, são energias de abundância em todos os sentidos, mas a escassez de qualquer espécie, são criações da mente do homem. Desafie portanto, as armadilhas de sua mente e identifique nela as crenças responsáveis pela criação de uma realidade ilusória e subconsciente.

O medo é a mãe de todos os sofrimentos, dos erros de interpretação e do mau comportamento. Somente o auto-conhecimento unido ao amor-próprio são os medicamentos mais eficazes para curar qualquer tipo de medos ilusórios.

by Jacky Sewell